Repórter Agora - O Seu Portal de Notícias!

Massa de ar frio provoca geadas e temperaturas negativas

REPÓRTER 698 Acessos

Massa de ar frio provoca geadas e temperaturas negativas

Veja a previsão para a semana

IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

A semana começa com tempo instável em algumas áreas do Centro-Sul do Brasil, trazendo possibilidade de chuvas volumosas ao longo do dia. Enquanto isso, persistem as condições de estiagem, comuns para esta época do ano, nas áreas centrais do país. As temperaturas seguem uma tendência de frio intenso na região Sul e forte calor no Centro-Norte do Brasil, acompanhada por baixos índices de umidade relativa do ar.

Frente fria no Sul do Brasil

A atuação de uma frente fria no sul do Brasil garante condições de chuva na região. As nuvens carregadas estão concentradas no nordeste do Rio Grande do Sul, metade leste de Santa Catarina, Paraná (exceto no sudoeste), sul de São Paulo e sul do Mato Grosso do Sul. Nessas áreas, as chuvas podem ocorrer a qualquer momento do dia. No nordeste de Santa Catarina, metade leste do Paraná e sul de São Paulo, especialmente nas regiões de Assis e Registro, as chuvas podem ser mais volumosas, com expectativa de 40 a 60 mm em 24 horas, um volume expressivo para o período.

Impactos

No norte do Paraná, por exemplo, espera-se que as chuvas tragam entre 7 e 15 mm nesta segunda-feira, com previsão de persistirem ao longo da semana, contribuindo para a recuperação da umidade no solo e beneficiando cultivos de inverno como trigo, cevada, canola e fumo. No entanto, essas chuvas podem atrapalhar a colheita do milho safrinha, que ainda está no campo.

Chuvas irregulares no Norte e Nordeste

As regiões Norte e Nordeste mantêm um padrão de chuvas irregulares, geralmente concentradas nos extremos. Nesta segunda-feira, as instabilidades mais fortes devem ocorrer no meio noroeste do Amazonas, Roraima e nordeste do Pará, incluindo setores do norte do Maranhão. No entanto, no interior da região nordeste, incluindo Tocantins, o clima é firme, quente e seco. Instabilidades oceânicas favorecem a formação de nuvens carregadas e chuvas recorrentes no leste da Bahia, Sergipe, Alagoas e litoral de Pernambuco.

Massa de ar seco na Região Central

A mesma massa de ar seco que atua no interior do nordeste também influencia a parcela central do país, levando tempo firme em Rondônia, sudeste do Amazonas, sul do Pará, região do MATOPIBA, Mato Grosso, Goiás e Minas Gerais.

Temperaturas

Uma massa de ar frio intensa atua na região sul, trazendo temperaturas negativas no sul do Rio Grande do Sul e formação de geadas. Durante a tarde, as temperaturas continuam baixas, com máximas abaixo de 13°C, mesmo que o sol esteja presente no Rio Grande do Sul. Nas áreas com tempo encoberto, entre Santa Catarina, sul do Mato Grosso do Sul e sul de São Paulo, a menor presença do sol e as chuvas recorrentes podem ocorrer em máximas abaixo de 16°C, aumentando a sensação de frio.

Previsão para a semana 

A frente fria deve permanecer estacionária entre o norte do Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul, ocorrendo em um período de tempo fechado e chuvas persistentes ao longo da semana, com possibilidade de mais de 150 mm em Santa Catarina e Paraná.

FONTE/CRÉDITOS: AGROLINK - Aline Merladete
FONTE/CRÉDITOS (IMAGEM DE CAPA): Reprodução
Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )